Jump to content
Sign in to follow this  
Followers 23
SUp3rFM

Perguntas ao revisor

Recommended Posts

Mais uma ou duas perguntas.

 

Quando crio uma nova listagem que não envie para revisão, as coordenadas que lá ponho vão de imediato ocupar esse espaço?

 

Enquanto eu não mandar para revisão e alguém quiser fazer uma listagem a menos dos 160 metros e activar pode?

 

Desde já o meu obrigado.

 

A situação tinha sido respondida aqui, mas até à data tinha incorrecções. Corrigi o meu texto. Acho que consegue esclarecer as dúvidas.

 

Obrigado!

Share this post


Link to post

Este é um assunto que vem tendo cada vez mais adeptos e creio que se justifica um eslcarecimento sobre Pathtags.

 

É necessário evitar referências a pathtags (o termo) nas descrições das caches. Algo como "A cache tem a minha pathtag para oferta", "a minha pathtag está à venda", "compre aqui", etc, não são permitidas. Esta situação cai na esfera das "Commercial Caches" já que se está a promover um produto comercial não autorizado pela Groundspeak.

 

O produto é vendido por outra empresa, que não a Groundspeak. Uma analogia fácil de entender é esperar que o site da Coca-Cola tenha algo como "Veja também a Pepsi-Cola em aqui" :lol:

 

EDIT: Erro... tipográfico.

Edited by SUp3rFM

Share this post


Link to post

Este é um assunto que vem tendo cada vez mais adeptos e creio que se justifica um eslcarecimento sobre Pathtags.

 

O produto é vendido por outra empresa, que não a Groundspeak. Uma analogia fácil de entender é esperar que o site da Coca-Cola tenha algo como "Veja também a Pepsi-Cola em aqui" :unsure:

 

 

(Não falo portugues, tradução automática)

 

Isto que comentas não está nada claro.

 

Pepsi Cola (Pathtags) também se vende na página de Coca Cola (Groundspeak).

 

Compruébalo: GEOCACHING.COM…. SHOP FOR GEAR----SHOP Groundspeak-----DISTRIBUTORS----OFFICIAL Groundspeak DISTRIBUTORS PORTUGAL-----GEOCACHERZONE----CLUBE DE PATHTAGS----VENDA PATHTAGS

Share this post


Link to post

(Não falo portugues, tradução automática)

 

Isto que comentas não está nada claro.

 

Pepsi Cola (Pathtags) também se vende na página de Coca Cola (Groundspeak).

 

Compruébalo: GEOCACHING.COM…. SHOP FOR GEAR----SHOP Groundspeak-----DISTRIBUTORS----OFFICIAL Groundspeak DISTRIBUTORS PORTUGAL-----GEOCACHERZONE----CLUBE DE PATHTAGS----VENDA PATHTAGS

 

Eso son hilos en las paginas. Solamente eso. La venta de pathtags es en Groundspeak.com o en Geocaching.com? No, cierto?

 

Si tiénes dudas, contacta Groundspeak para contact@geocaching.com.

 

Saludos.

Share this post


Link to post

Penso mudar uma cache para cerca de 250m da posição actual. Acontece que com essa mudança, ela irá ficar a menos de 160m da posição em que foi publicada originalmente. Posso mudá-la directamente ou tenho de o fazer em duas fases?

Share this post


Link to post

Penso mudar uma cache para cerca de 250m da posição actual. Acontece que com essa mudança, ela irá ficar a menos de 160m da posição em que foi publicada originalmente. Posso mudá-la directamente ou tenho de o fazer em duas fases?

 

Essa questão foi respondida logo no início desta thread - Link.

 

Não é nada aconselhado fazer o "bunny-hop", o proprietário mover a cache aos poucos até chegar à posição que deseja, para além dos 160m.

 

Qualquer questão mais concreta, contacte-me.

 

Cumprimentos!

Share this post


Link to post

SUp3rFM,

 

Estou a pensar em criar uma cache, já sei o sítio onde quero esconder e tudo, mas nas guidelines disse que tinha que pedir autorização ao revisor (tu), mas como é que te peço autorização??? E o que tenho de fazer para tu aceitares???

 

Cumprimentos,

Alkorx :D

Share this post


Link to post

SUp3rFM,

 

Estou a pensar em criar uma cache, já sei o sítio onde quero esconder e tudo, mas nas guidelines disse que tinha que pedir autorização ao revisor (tu), mas como é que te peço autorização??? E o que tenho de fazer para tu aceitares???

 

Cumprimentos,

Alkorx :D

 

Viva Alkorx,

 

Não é preciso pedir autorização a mim ou a qualquer outro revisor voluntário do Geocaching.com. Para colocar uma cache, é preciso ter em conta as Guidelines do Geocaching.com (Versão não-oficial em Português). Posto isto, é uma questão de acautelar o seu esconderijo e posição e preencher o que é pedido aqui. Eu, como revisor, apenas olho para a cache no sentido de verificar se está conforme as guidelines. Não é preciso autorização da minha parte.

 

A autorização, não sei se é daí a sua confusão, é necessária quando se coloca uma cache num local privado, com uma gestão e presença fácil de identificar. Estas situações são analisadas caso a caso. O proprietário, creio eu, deverá ter sempre a preocupação de evitar criar situações embaraçosas para quem procura uma cache.

 

Boa sorte!

Edited by SUp3rFM

Share this post


Link to post

Boas, estou a pensar fazer uma cache que se vai processar desta forma:

 

Nas coordenadas iniciais vai haver uma caixa com uma papel, que explica tipo carta como chegar ao próximo local.

 

Nesse local o mesmo se passará, e assim por diante até a cache final (estou a pensar usar 2 a 3 locais)

 

O que eu gostava de saber era que tipo é esta cache, pois eu não vou dar coordenadas nos papeis, apenas dicas.

 

Parece-me mais letterbox, mas já ouvi dizer que isso tem que ter um carimbo (apesar de ter feito uma em Braga sem carimbo).

 

Ou será mistério, ou multi?

 

Obrigado.

Share this post


Link to post

Lembrei-me de outra questão não relacionada com a anterior.

 

Se que quiser fazer uma cache numa cidade num local, que está normalmente aberto, pois é a entrada para um parque de uma universidade e lá no meio tem um monumento histórico da cidade.

 

Logicamente que convém pedir autorização, mas para além disso o parque fecha ao sabado à tarde e domingo.

 

Pode uma cache ter essas limitações de dias?

Share this post


Link to post

Boas, estou a pensar fazer uma cache que se vai processar desta forma:

 

Nas coordenadas iniciais vai haver uma caixa com uma papel, que explica tipo carta como chegar ao próximo local.

 

Nesse local o mesmo se passará, e assim por diante até a cache final (estou a pensar usar 2 a 3 locais)

 

O que eu gostava de saber era que tipo é esta cache, pois eu não vou dar coordenadas nos papeis, apenas dicas.

 

Parece-me mais letterbox, mas já ouvi dizer que isso tem que ter um carimbo (apesar de ter feito uma em Braga sem carimbo).

 

Ou será mistério, ou multi?

 

Será uma letterbox a partir do momento em que os passos seguintes são dados por pistas e não por coordenadas, embora também já tenha visto multis que tinham mapas de tesouro e cenas parecidas (sem coordenadas).

 

O carimbo penso que seja um adereço "suplementar"

Share this post


Link to post

Penso que uma Letterbox tem obrigatoriamente que ter um carimbo.

Se não tiver carimbo é uma Multi.

Share this post


Link to post

Boas, estou a pensar fazer uma cache que se vai processar desta forma:

 

Nas coordenadas iniciais vai haver uma caixa com uma papel, que explica tipo carta como chegar ao próximo local.

 

Nesse local o mesmo se passará, e assim por diante até a cache final (estou a pensar usar 2 a 3 locais)

 

O que eu gostava de saber era que tipo é esta cache, pois eu não vou dar coordenadas nos papeis, apenas dicas.

 

Parece-me mais letterbox, mas já ouvi dizer que isso tem que ter um carimbo (apesar de ter feito uma em Braga sem carimbo).

 

Ou será mistério, ou multi?

 

Obrigado.

 

Nesta thread, já tinha sido respondida uma questão sobre o formato das letterboxes.

 

Em suma, uma letterbox dispensa o uso do GPS em alguns ou em quase todos os passos. Tem, pelo menos, que utilizá-lo a dado ponto, seja no inicial, no quinto ou no final. Tem que haver uso. A partir daí, pode formatar a cache como quiser.

 

É o tipo de cache em que o GPS não se torna numa parte integral da busca. Todos os outros tipos de caches necessitam de fazer uso do GPS.

 

Logicamente que convém pedir autorização, mas para além disso o parque fecha ao sabado à tarde e domingo.

 

Pode uma cache ter essas limitações de dias?

 

A autorização é uma questão de bom sendo. Como já referi, a colaboração com entidades oficiais tipicamente acaba numa boa parceria já que todos ganham. Quanto à limitação, sim, pode ter esse intervalo que fala. Não tem problema algum. Pode haver casos de uma disponbilidade ainda mais limitada (um dia aberto, por semana) em que isso se pode transformar num impedimento para que seja publicada.

 

Se houver qualquer questão adicional, força.

Share this post


Link to post

Será uma letterbox a partir do momento em que os passos seguintes são dados por pistas e não por coordenadas, embora também já tenha visto multis que tinham mapas de tesouro e cenas parecidas (sem coordenadas).

 

Sim, também me parece que se ajusta mais a uma letterbox.

 

O carimbo penso que seja um adereço "suplementar"

 

Pelo contrário, numa letterbox é fundamental existir um carimbo, assim como é essencial que este esteja no container final, juntamente com o logbook.

 

No entanto, a utilização do carimbo por parte do geocacher que a encontra é suplementar. :)

Share this post


Link to post

Penso que uma Letterbox tem obrigatoriamente que ter um carimbo.

Se não tiver carimbo é uma Multi.

 

Se não tiver carimbo é uma "letterbox" a precisar de manutenção por parte do proprietário da cache. :)

Share this post


Link to post

Obrigado pelas respostas.

 

Então tenho que arranjar um carimbo, onde se arranja isso facilmente e barato? Se é que posso fazer essa pergunta aqui.

 

Quanto à outra vou passar na universidade, perguntar e expor o caso, assim já vejo se deixam ou não.

 

PS: Aquela thread já a tinha lido, mas como falava do carimbo e a letterbox de braga não tinha fiquei mesmo na dúvida.

Edited by flavioxavier

Share this post


Link to post

Obrigado pelas respostas.

 

Então tenho que arranjar um carimbo, onde se arranja isso facilmente e barato? Se é que posso fazer essa pergunta aqui.

 

Quanto à outra vou passar na universidade, perguntar e expor o caso, assim já vejo se deixam ou não.

 

PS: Aquela thread já a tinha lido, mas como falava do carimbo e a letterbox de braga não tinha fiquei mesmo na dúvida.

 

As guidelines são vagas o suficiente quando falam de carimbo. Não tem que ser um carimbo feito à medida. Tem que ser um "carimbo". Pode até ser um daqueles das crianças - digo eu.

 

Boa sorte para o projecto. :)

Share this post


Link to post

Por acaso ainda não me tinha apercebido da questão dos carimbos nas letterboxes...

 

Até hoje acho que só fiz uma e não me recordo de ter visto carimbo, mas também não fui à procura dele, se calhar estava lá e não vi...

 

No entanto, a minha intuição diz-me que em portugal provavelmente a maioria das letterboxes não tem carimbo... ou porque o owner não pôs, ou pq entretanto já lá foi alguém que não sabia para que era o carimbo e o levou como troca...

 

Das caches que tenho visto, fiquei com a sensação que a malta, pelo menos cá pelo burgo, tem a ideia de que uma letterbox é uma cache em que as coordenadas levam a um ponto inicial e depois a partir daí se segue um conjunto de pistas que não necessitam do gps para chegar ao ponto final... mas, pelo que aqui foi dito, esse tipo de caches deveriam ser multis, correcto?

Share this post


Link to post

Por acaso ainda não me tinha apercebido da questão dos carimbos nas letterboxes...

 

Até hoje acho que só fiz uma e não me recordo de ter visto carimbo, mas também não fui à procura dele, se calhar estava lá e não vi...

 

No entanto, a minha intuição diz-me que em portugal provavelmente a maioria das letterboxes não tem carimbo... ou porque o owner não pôs, ou pq entretanto já lá foi alguém que não sabia para que era o carimbo e o levou como troca...

 

Das caches que tenho visto, fiquei com a sensação que a malta, pelo menos cá pelo burgo, tem a ideia de que uma letterbox é uma cache em que as coordenadas levam a um ponto inicial e depois a partir daí se segue um conjunto de pistas que não necessitam do gps para chegar ao ponto final... mas, pelo que aqui foi dito, esse tipo de caches deveriam ser multis, correcto?

 

Pelo que percebi pelas respostas que me deram, devem ser letterbox, pois é o mais correcto, pois usa-se pouco o GPS, mas como são letterbox tem que ter carimbo.

 

Se não queres por carimbo é que optas por multi ou misterio, mas letterbox é mais correcto.

 

Isto foi o que eu percebi pelo menos :)

Share this post


Link to post

Por acaso ainda não me tinha apercebido da questão dos carimbos nas letterboxes...

 

Até hoje acho que só fiz uma e não me recordo de ter visto carimbo, mas também não fui à procura dele, se calhar estava lá e não vi...

 

No entanto, a minha intuição diz-me que em portugal provavelmente a maioria das letterboxes não tem carimbo... ou porque o owner não pôs, ou pq entretanto já lá foi alguém que não sabia para que era o carimbo e o levou como troca...

 

Olha que acho o contrário. Poucas são aquelas que não o têm. E tal só deve suceder de uma forma temporária. As que tenho publicado, os owners garantiram-me a existência do mesmo. Pode, e já aconteceu, alguém o ter levado pensando ser mais um item de troca...

 

 

Das caches que tenho visto, fiquei com a sensação que a malta, pelo menos cá pelo burgo, tem a ideia de que uma letterbox é uma cache em que as coordenadas levam a um ponto inicial e depois a partir daí se segue um conjunto de pistas que não necessitam do gps para chegar ao ponto final... mas, pelo que aqui foi dito, esse tipo de caches deveriam ser multis, correcto?

 

Ver se consigo ser mais claro, talvez com exemplos mais concretos:

 

Exemplo perfeito de uma multi-cache:

 

Nas coordenadas indicadas, contar o número de árvores.

 

Se o 1 vá para N 39 21.105 W 006 14.441

Se o 4 vá para N 39 34.111 W 008 09.131

Se o 9 vá para N 39 54.351 W 007 06.626

 

E lá vamos para o segundo ponto. Temos que contar os bancos.

 

Se o 4 vá para N 39 21.124 W 006 15.427

Se o 5 vá para N 39 34.101 W 008 01.571

Se o 6 vá para N 39 54.477 W 007 02.546

 

Vamos para a coordenada final que é a Se o 5 vá para N 39 34.101 W 008 01.571.

 

Em TODOS os passos houve o uso do GPS. Isso distingue as caches como esta (multi, mistery/puzzle, tradicionais, etc) das Letterboxes.

Uma Letterbox poderia ser assim:

 

Diriga-se às coordenadas indicadas: N 39 34.101 W 008 01.571

 

Chegando ao local, procure o guia que o ajudará a levar até aos pontos intermédios e... finalmente, ao tesouro final!

 

Lá se encontra o mapa, ou um conjunto de pistas (um papel com um vire depois do moinho, suba os degraus, etc).

 

Finalmente, seguindo essas pistas encontramos o container final. Este tem o carimbo (que serve para utilizarmos no nosso "passaporte" ou livro de letterboxes) e o logbook final.

 

Como se vê, só houve o uso do GPS num dos pontos da cache - pode ter mais, pode ter menos. Isto e o carimbo distinguem este tipo de cache de todas as outras.

 

(Acho que só consigo explicar isto bem com a ajuda de uma cerveja...) :)

Share this post


Link to post

Uma Letterbox poderia ser assim:

 

Diriga-se às coordenadas indicadas: N 39 34.101 W 008 01.571

 

Chegando ao local, procure o guia que o ajudará a levar até aos pontos intermédios e... finalmente, ao tesouro final!

 

Lá se encontra o mapa, ou um conjunto de pistas (um papel com um vire depois do moinho, suba os degraus, etc).

 

Finalmente, seguindo essas pistas encontramos o container final. Este tem o carimbo (que serve para utilizarmos no nosso "passaporte" ou livro de letterboxes) e o logbook final.

 

Como se vê, só houve o uso do GPS num dos pontos da cache - pode ter mais, pode ter menos. Isto e o carimbo distinguem este tipo de cache de todas as outras.

 

Caríssimo Sr. Revisor, (pun intended :))

 

Suponhamos que quero publicar uma cache em que se verificam todas as condições acima descritas, à excepção do famigerado carimbo, qual o tipo de cache que devo seleccionar: multi ou letterbox? (ou simplesmente devo deixar de ser totó preguiçoso e arranjar a porra do carimbo? :D)

Share this post


Link to post

(ou simplesmente devo deixar de ser totó preguiçoso e arranjar a porra do carimbo? :))

Esta é a interpretação correcta para o que acima foi descrito e para a interpretação que faço das Guidelines.

Share this post


Link to post

Caríssimo Sr. Revisor, (pun intended :))

 

Suponhamos que quero publicar uma cache em que se verificam todas as condições acima descritas, à excepção do famigerado carimbo, qual o tipo de cache que devo seleccionar: multi ou letterbox? (ou simplesmente devo deixar de ser totó preguiçoso e arranjar a porra do carimbo? :D)

 

Bruno, isto só vai lá com um caneco à frente. Não podemos é beber demais senão volta tudo à estaca zero. :D

 

Se não há uso do GPS, só pode ser uma letterbox. E para ser uma Letterbox é necessário o carimbo.

 

Se houver uso do GPS em todos os pontos então pode ser uma multi ou mistery/puzzle.

 

:)

Share this post


Link to post

Boas!

 

Quero colocar uma cache na rua onde moro e falar sobre a história dessa rua tendo sido uma das mais importantes na história da minha cidade, agora a pergunta é, colocando a cache escondida no exterior de uma loja (vaso na rua,grades ,etc) e sendo essa loja de uma pessoa minha conhecida que me dá a permissão de esconder lá a cache, existe algum conflito de interesses ao esconder esta cache? existe alguma regra que não permita isto? De referir que a cache não tem a intenção de ser comercial,bem pelo contrário.

 

Outra pergunta, gostava de organizar um mini evento em que vai ser organizado um pequeno jogo em que o culminar desse jogo será descobrir uma cache no fim, o evento seria nocturno, isto é permitido?

 

Forte Abraço a todos!

Share this post


Link to post

Boas!

 

Quero colocar uma cache na rua onde moro e falar sobre a história dessa rua tendo sido uma das mais importantes na história da minha cidade, agora a pergunta é, colocando a cache escondida no exterior de uma loja (vaso na rua,grades ,etc) e sendo essa loja de uma pessoa minha conhecida que me dá a permissão de esconder lá a cache, existe algum conflito de interesses ao esconder esta cache? existe alguma regra que não permita isto? De referir que a cache não tem a intenção de ser comercial,bem pelo contrário.

 

Viva,

 

Não havendo referências comerciais à loja na página da cache, não vejo porque não possa ser publicada, estando a cache no exterior. Desde que não seja necessário interagir com colaboradores do negócio, não há qualquer problema. A ideia tem pernas para andar. :unsure:

 

Outra pergunta, gostava de organizar um mini evento em que vai ser organizado um pequeno jogo em que o culminar desse jogo será descobrir uma cache no fim, o evento seria nocturno, isto é permitido?

 

Forte Abraço a todos!

 

Se a cache é para estar publicada no geocaching.com, acho que seria difícil ter o evento publicado. Se é uma cache não-publicada, apenas colocada para o evento, não há problema. Os eventos não podem servir para procurar caches.

 

Espero ter esclarecido. Boa sorte para os projectos.

Share this post


Link to post

Boas!

 

Quero colocar uma cache na rua onde moro e falar sobre a história dessa rua tendo sido uma das mais importantes na história da minha cidade, agora a pergunta é, colocando a cache escondida no exterior de uma loja (vaso na rua,grades ,etc) e sendo essa loja de uma pessoa minha conhecida que me dá a permissão de esconder lá a cache, existe algum conflito de interesses ao esconder esta cache? existe alguma regra que não permita isto? De referir que a cache não tem a intenção de ser comercial,bem pelo contrário.

 

Viva,

 

Não havendo referências comerciais à loja na página da cache, não vejo porque não possa ser publicada, estando a cache no exterior. Desde que não seja necessário interagir com colaboradores do negócio, não há qualquer problema. A ideia tem pernas para andar. :unsure:

 

Outra pergunta, gostava de organizar um mini evento em que vai ser organizado um pequeno jogo em que o culminar desse jogo será descobrir uma cache no fim, o evento seria nocturno, isto é permitido?

 

Forte Abraço a todos!

 

Se a cache é para estar publicada no geocaching.com, acho que seria difícil ter o evento publicado. Se é uma cache não-publicada, apenas colocada para o evento, não há problema. Os eventos não podem servir para procurar caches.

 

Espero ter esclarecido. Boa sorte para os projectos.

 

Ok então neste caso o melhor é ou publicar uma cache em que digo que estarei presente em x dia ou marcar um evento a explicar o que vai acontecer. Só agora me lembrei que tanto a cache como o evento contam, daí não ser possível fazer ambos.

Share this post


Link to post

Ok então neste caso o melhor é ou publicar uma cache em que digo que estarei presente em x dia ou marcar um evento a explicar o que vai acontecer. Só agora me lembrei que tanto a cache como o evento contam, daí não ser possível fazer ambos.

 

A questão é mesmo não organizar um evento cujo fim é encontrar uma ou várias caches. Pode, por exemplo, reunir através de um fórum, mailing list, quem o queira acompanhar. Nesse caso, tudo bem.

Share this post


Link to post

Ora bem, vindo daqui gostava de esclarecer uma questão que nunca percebi muito bem e que tem a ver com quais as entidades/lugares que deverão ser considerados privados e sujeitos a autorização.

 

Assim quando estamos a falar de lugares pertecentes ao Estado, Organismos Públicos, Câmaras Municipais, Fundações sem fins lucrativos, Entidades religiosas , etc e em sítios por eles normalmente geridos, como Jardins, Igrejas (logradouros das mesmas) podendo ter ou não o acesso condicionado temporalmente é necessário ou não autorização. Acho difícil defender que sim, porque não acredito que as centenas de caches que se encontram em jardins as tenham...

 

No caso em concreto do Estádio Nacional e na tua opinião é válido o argumento dos seguranças do mesmo.

 

Isto óbviamente como representante da Groudspeak. Ou seja por ti a cache era válida ou não? Isto independentemente de os seguranças acharem que não.

 

P.S com este post cruzado com o geopt.org quero ver se respondo também ao bgravato :o

Share this post


Link to post

Ora bem, vindo daqui gostava de esclarecer uma questão que nunca percebi muito bem e que tem a ver com quais as entidades/lugares que deverão ser considerados privados e sujeitos a autorização.

 

Eu também não consigo saber quais os locais que são considerados privados e sujeitos a autorização. Quando tenho dúvidas, pergunto, caso a caso. Mais uma vez, e como tenho referido por várias, é uma questão de bom senso. Se a actividade do geocaching vai fazer com que alguém levante o sobreolho, então o melhor é falar com esse alguém para que nenhum geocacher possa ser incomodado por estar a fazer... geocaching!

 

A visão do espaço público = pode-se fazer tudo e mais alguma coisa, é errada.

 

Assim quando estamos a falar de lugares pertecentes ao Estado, Organismos Públicos, Câmaras Municipais, Fundações sem fins lucrativos, Entidades religiosas , etc e em sítios por eles normalmente geridos, como Jardins, Igrejas (logradouros das mesmas) podendo ter ou não o acesso condicionado temporalmente é necessário ou não autorização. Acho difícil defender que sim, porque não acredito que as centenas de caches que se encontram em jardins as tenham...

 

A esmagadora maioria desses casos retrata espaços onde a actividade do geocaching pouco importará a quem gere esses espaços. Inclusive, há quem agradeça que por lá se tenha escondido um caixotinho. É preciso bom senso, mais uma vez, nessa avaliação.

 

No caso em concreto do Estádio Nacional e na tua opinião é válido o argumento dos seguranças do mesmo.

 

Isto óbviamente como representante da Groudspeak. Ou seja por ti a cache era válida ou não? Isto independentemente de os seguranças acharem que não.

 

P.S com este post cruzado com o geopt.org quero ver se respondo também ao bgravato :o

 

Consegui identificar o teu post em questão. O espaço tem uma gestão identificada, tem um corpo de segurança que o vigia e se estes solicitaram para que fosse retirada a cache... Bom, pouco mais há a fazer, certo? Se os responsáveis pelo espaço não querem a cache no local, quem sou para considerar que a cache é válida?

 

O facto de ser público não significa que se pode fazer tudo e mais alguma coisa. A detenção do espaço é um conceito diferente das actividades que lá se podem praticar. Reclamar o espaço como nosso, porque é público, porque é pago com os nossos impostos é uma visão não coincidente com a realidade. O espaço pode ser público, mas com restrições no acesso e actividades que se possam lá praticar. Creio que foi essa a situação que aconteceu.

 

Dou-te um exemplo do que aconteceu nos jardins públicos de Londres. A Royal Parks decidiu acabar com o geocaching, de forma simples. Contactaram a Groundspeak e exigiram que as caches colocadas nos seus locais PÚBLICOS fossem retiradas. São eles que os gerem e não querem lá os caixotinhos. O que há a fazer? Gritar? Espernear? Discutir?. Também. Mas a melhor atitude foi tomada pela equipa de revisão inglesa e pela associação nacional de geocachers britânicos ao tentar falar directamente com o organismo envolvido. Ainda não há resultados.

 

De qualquer modo, essa questão concreta do IDP é única. No entanto, não ficará por aqui.

Edited by SUp3rFM

Share this post


Link to post

Permitam-me que dê o meu contributo para este tema.

 

No património do Estado há duas categorias, a saber: i) o domínio público e ii) o domínio privado.

 

O que é do domínio privado pode ter, e na maior parte das situações tem, acesso reservado.

 

No tocante ao domínio público o acesso também pode ser reservado em certas circunstâncias. De todo o modo, o domínio público é administrado por uma qualquer entidade, veja-se, por ex.º, o caso da orla marítima em que não podemos pura e simplesmente chegar e implantar o que nos der na gana.

 

Para terminar, a personalidade jurídica da entidade que gere um dado património público não permite concluir que o respectivo acesso é livre. Pode ser património do domínio privado ao qual, independentemente de estar ou não vedado, essa entidade pode impedir o acesso livre.

 

---

João Leal

Share this post


Link to post

Viva João,

 

Muito obrigado pela informação factual sobre este tipo de situações. Não vejo como poderia ter sido melhor a tua primeira participação neste fórum. Acho que é bastante esclarecedora.

Share this post


Link to post

Também achei que a opinião do João foi muito esclarecedora, até porque a questão é principalmente jurídica.

 

Em resumo. É preferível não mexer muito no assunto... embora com o crescimento que o Geocachig está a ter me parecer que vão aumentar os conflitos.

 

Pelo que percebo e para sermos completamente formais a esmagadora maioria das caches precisariam de autorização. Do estado, das Câmaras, da EDP, da TV Cabo, etc. (que nos emprestam os postes e as caixas), etc. etc.

 

Como isso tornaria impossível a colocação de 90% das caches, devemos ter bom senso (e quando não o tivermos cá está o revisor [:D]). Quando a coisa parece mais pacífica não é requerida autorização e espera-se que os geocachers sejam invisíveis ás muggles autoridades, se forem descobertos e a putativa autoridade não gostar, pede-se autorização. Se não houver arquiva-se a cache.

Share this post


Link to post
Em resumo. É preferível não mexer muito no assunto... embora com o crescimento que o Geocachig está a ter me parecer que vão aumentar os conflitos.

Por acaso não tenho assim uma ideia tão pessimista, para não dizer contrária. A minha opinião é que a maioria dos locais com interesse, onde as caches possam criar conflito, (principalmente nos centros urbanos) já estão basicamente ocupados.

 

O espaço que sobra para esconder caches, digamos que é menos concorrido, e interfere menos com a gestão dos espaços. Obviamente que vão sempre existir conflitos, mas creio que se a coisa foi bastante pacífica até aqui, não creio que vá ser agora que os conflitos vão disparar. Mas sempre posso estar enganado.

Share this post


Link to post

Caro SUp3rFM. Por acaso hoje a ver umas logs deparei-me com um duplo Found (por acaso foi um attend mas vai dar ao mesmo...) feito por um user. Foi concerteza lapso, mas qual a razão de isso ser permitido?

Lembro-me que uma das listagens que desaparecerem das STATS do geocaching@pt era precisamente uma que identificava essas situações. E quando a consultei pela 1ªvez muito surpreendido fiquei de encontrar lá o meu nome.... Tinha sido óbviamente um erro que logo foi corrigido (provocado por um log via PDA que foi submetido duas vezes por julgar que o primeiro tinha falhado...). Temos alguma forma de identificar estas situações?

 

Já agora acrescento que em algumas caches até acho que se poderia fazer perfeitamente dois ou mais founds (quando por exemplo muda de posição ou de qualquer outra caracteristicas que torne um novo found realmente único).

 

Por exemplo nesta até acho que se a tivesse feito antes, deveria registar dois founds sem problemas...

 

Mas julgo não ser esta uma orientação da Groundspeak nem do revisor Português :).

Edited by jasafara

Share this post


Link to post

Viva Jasafara,

 

Tal como descrito aqui: http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx#maint, cabe ao owner da cache, como uma das suas tarefas de manutenção, verificar a coerência da mesma, em função dos logs físicos, etc.

 

Para a Groundspeak, pouco ou nada importa se o geocacher A tem 2 founds em determinada cache. O Geocacher B e C em nada são afectados.

 

abraço!

Share this post


Link to post

Boas...

 

Estava a pensar colocar uma earthcache num determinado local, mas entretanto saiu uma cache tradicional nesse sitio.

 

Posso submeter a earthcache junto à tradicional ou tenho de respeitar a regra dos 161metros?

 

Obrigado desde já pelo esclarecimento :blink:

Share this post


Link to post

Boas...

 

Estava a pensar colocar uma earthcache num determinado local, mas entretanto saiu uma cache tradicional nesse sitio.

 

Posso submeter a earthcache junto à tradicional ou tenho de respeitar a regra dos 161metros?

 

Obrigado desde já pelo esclarecimento :mad:

 

Viva,

 

As distâncias só são tidas em contas entre pontos físicos pertencentes a caches diferentes. Significa que uma EC pode estar a 10 metros de uma cache tradicional ou um ponto intermédio físico de uma multi-cache, sem problema.

 

O mesmo se aplica a situações "inversas". É possível colocar uma tradicional junto de uma virtual, EC, pontos virtuais iniciais de unknown/mistery, etc. :blink:

 

Espero ter esclarecido.

Share this post


Link to post

Alteração do texto das EarthCaches

 

EarthCaches ™

 

Este é um tipo de cache educacionais que envolve uma visita ao local de uma particularidade geofísica única e específica.

 

Registar a visita a uma Earthcache requer que se cumpram os requisitos estabelecidos pelo proprietário na página da publicação da Earthcache, inclusive responder a questões colocadas via e-mail. Por favor, leia as orientações adicionais e regras aplicáveis às EarthCaches em EarthCache.org.

Share this post


Link to post

Retomando uma dúvida colocada noutro tópico (em que não vou mexer mais... :) )

 

A hora é configurável. Eu estou a colocar este às 2h35.

Como é que se configura a hora para GMT+0?

Share this post


Link to post

Como é que se configura a hora para GMT+0?

My Controls -> Board Settings -> Time Zone

Share this post


Link to post

Como é que se configura a hora para GMT+0?

My Controls -> Board Settings -> Time Zone

Já está. Obrigado pela rápida ajuda. Ainda ia fazer uma brincadeira sobre a vantagem de ter alguém que não se dispersa por outros fóruns, para estar atento a este. mas ainda sou outra vez mal intrepretado :) Abraço.

Edited by jasafara

Share this post


Link to post

O que fazer a caches sem manutenção?

 

Por exemplo encontraram uma cache que estava com o logbook destruído/contentor destruido etc etc.

Fazem um pedido de manutenção, e curiosamente percorrem os logs e vem que a cache já tem mais de 10 pedidos de manutenção sem qualquer resposta alguns deles já com mais de 1 ano.

 

Existe algum numero de pedidos de manutenção que de algum tipo de alerta ao revisor de caches, ou o revisor de caches não tem "competência" para actuar neste campo.

 

Que procedimentos como visitantes de uma cache "abandonada" devemos ter

Share this post


Link to post

O que fazer a caches sem manutenção?

 

Por exemplo encontraram uma cache que estava com o logbook destruído/contentor destruido etc etc.

Fazem um pedido de manutenção, e curiosamente percorrem os logs e vem que a cache já tem mais de 10 pedidos de manutenção sem qualquer resposta alguns deles já com mais de 1 ano.

 

Existe algum numero de pedidos de manutenção que de algum tipo de alerta ao revisor de caches, ou o revisor de caches não tem "competência" para actuar neste campo.

 

Que procedimentos como visitantes de uma cache "abandonada" devemos ter

 

Viva,

 

A pergunta e o tema são de extrema importância.

 

Acima de tudo, a cache é de quem a coloca. E, quem a coloca, compromete-se a cuidar da mesma, a assegurar a manutenção da sua cache.

 

No entanto, a comunidade pode ajudar nessa tarefa. Trocar um logbook, colocar um lápis, ou algo mais. Por vezes, é um gesto que não custa nada. No entanto, essa entreajuda só é razoável, na minha opinião, quando o proprietário da cache não faz depender dessa manutenção "externa" a vida da cache. Caso contrário, seria fácil colocar caches em todo o lado. Bastaria largar um caixotinho e esperar que outros façam a manutenção ao longo dos tempos.

 

A situação que refere, sem saber qual a cache em questão, parece-me negligente por parte do proprietário da cache. Se já foram colocados vários pedidos de manutenção, creio que o próximo passo é efectuar um pedido de arquivamento (neste caso, por falta de manutenção adequada). O pedido não gera um arquivamento imediato, na maioria das vezes.

 

Se não querem utilizar a ferramenta de pedido de arquivamento, podem-me contactar por mail, indicando as razões e GC code da cache em questão.

 

Espero ter esclarecido.

Share this post


Link to post

A cache em questão é a Sabores de Sintra... *Travesseiros* (SS02)

GC1B8T7

 

É uma multi no centro de Sintra e bastante turística, os últimos logs que estão depois do meu chegaram lá depois de um helpdesk, o meu tb foi de helpdesk... porque o 1º ponto desapareceu a mais de 1 ano.

 

Agora a duvida que subsiste é se não deveria existir um qualquer processo automático que detecta-se que a cache tem X pedidos de manutenção sem resposta e envia-se um email para o revisor para ele ficar de sobreaviso em relação aquela cache. (mais trabalho para o revisor :blink: )

 

A melhor forma de resolver estes casos é fazer o pedido de arquivamento e o revisor depois decide o que fazer?

Share this post


Link to post

A cache em questão é a Sabores de Sintra... *Travesseiros* (SS02)

GC1B8T7

 

É uma multi no centro de Sintra e bastante turística, os últimos logs que estão depois do meu chegaram lá depois de um helpdesk, o meu tb foi de helpdesk... porque o 1º ponto desapareceu a mais de 1 ano.

 

Agora a duvida que subsiste é se não deveria existir um qualquer processo automático que detecta-se que a cache tem X pedidos de manutenção sem resposta e envia-se um email para o revisor para ele ficar de sobreaviso em relação aquela cache. (mais trabalho para o revisor :blink: )

 

A melhor forma de resolver estes casos é fazer o pedido de arquivamento e o revisor depois decide o que fazer?

 

Sem conseguir dar uma resposta para todos os casos possíveis, creio que neste caso, o mais acertado é desactivar a cache, dando com isso tempo suficiente para que o proprietário possa efectuar a visita de manutenção. O procedimento está explicado aqui.

 

Obrigado.

Share this post


Link to post

Uma outra questão frequente que me é colocada.

 

"Preciso de afastar a coordenada da minha cache para 300 metros mais ao lado. Como o faço?"

 

Como owner, há a possibilidade de mover a cache para até 160 metros de distância da coordenada original. No entanto, é aconselhável verificar se nessa mudança a cache não entre no perímetro de outra vizinha. Eis a imagem:

 

2cxvpzl.jpg

 

A situação é clara.

 

No entanto, ainda a questão de mover a cache para 300 metros da coordenada inicial. Tal só é possível com o auxílio do revisor. (...)

 

Mas como mesmo é que se faz?

Temos que entrar em contacto com o revisor, ou submetemos a alteração das coordenadas e depois o revisor aprova ou não?

Share this post


Link to post

Neste caso, é necessário enviar um mail para o revisor local, descrever a situação e indicar as novas coordenadas. Repara que um ajuste de coordenadas de 300m devolve uma mensagem de erro (actualmente, até devolve um erro de servidor), mas tipicamente a mensagem exibida diz algo como:

 

"The new location is too far away from the original location. Please check your coordinates to make sure they were entered correctly. If you need additional help, please contact the reviewer who published this cache, or Groundspeak to make the change for you. Please provide the cache name and GC Code, the new and old coordinates, and the reason why you need to move the cache."

 

Em Português:

 

"Esta nova localização é demasiado longe da localização original. Por favor, verifique as coordenadas e certifique-se que as colocou correctamente. Se precisar de ajuda, contacte o revisor que publicou esta geocache, ou a Groundspeak para que possam fazer estas alterações por si. Por favor, indique o nome da geocache e o GC Code, as coordenadas antigas, as novas coordenadas e a razão da mudança de local."

 

Basta agir como está descrito.

 

No entanto, há condicionantes para a mudança de coordenadas para um local mais longe, tal como é descrito aqui.

Share this post


Link to post

Neste caso, é necessário enviar um mail para o revisor local, descrever a situação e indicar as novas coordenadas.

 

Obrigado.

Era mesmo só esta informação que eu precisava.

Share this post


Link to post

Há uma questão que surge diversas vezes por quem envia para publicação uma cache, relacionada com a distância entre caches.

 

Os containers físicos pertencentes a caches diferentes tem que estar a mais de 160 metros de distância. Esta é a linha de orientação. Há excepções. Garantidas perante situações... excepcionais. :)

 

Por container físico entende-se qualquer container/etiqueta/algo/coisa/etc, que o owner colocou para figurar na sua cache. As distâncias aplicam-se seja qual for o ponto (inicial/intermédio(s)/final).

 

As distâncias não se aplicam a pontos virtuais - os tais pontos Question to an Answer nos "Additional Waypoints".

 

Espero que o exemplo abaixo ajude a esclarecer algumas dúvidas:

 

2qnd3wp.jpg

 

Multi-cache A com 4 pontos e o final.

 

Ponto 1A - Um ponto físico, uma micro com as coordenadas escondidas.

Ponto 2A - Um ponto virtual, onde é necessário recolher um dado para ir para o próximo ponto.

Ponto 3A - Um ponto virtual, onde é necessário recolher um dado para ir para o próximo ponto.

Ponto 4A - Um ponto virtual, onde é necessário recolher um dado para ir para o próximo ponto.

Ponto Final Multi-cache A - Um container final.

 

Cache Tradicional

 

Container com as coordenadas exactas.

 

Os círculos à volta dos containers físicos delimitam um perímetro de 160 metros.

 

Não há problema entre o facto da Cache Tradicional B estar a poucos metros de distância dos pontos virtuais 2A e 3A da Multi-Cache A.

 

Espero ter ajudado.

 

Boa tarde

Em relação a este post, estive a procura de uma resposta que nao encontrei. Se possivel, gostaria de saber, se ha distancia minima para pontos fisicos da mesma cache. Ou seja, quero fazer uma cache, com varios pontos fisicos. Estes pontos podem estar a menos de 160 metros, por serem da mesma cache?

Obrigado

Share this post


Link to post

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  
Followers 23

×